Iniciando a Semana Santa fiéis acompanham Procissão de Ramos

DSC 7443

No domingo, 25, os fiéis iniciaram a Semana Santa com a procissão dos Ramos pela Avenida Dr Américo Luz e seguiram até a Igreja Matriz onde foi celebrada, pelo Pároco José Milton dos Reis, a Santa Missa.

Jesus entregou a sua vida para que sejamos Santos. Ser Santo é alcançar a plenitude da vida, é chegar um dia diante de Deus e viver eternamente.

Padre Milton relembra que Deus nos convida e nós queremos segui-lo, mas nem sempre conseguimos caminhar por causa de nossas fraquezas e seduções do demônio. Mas, Deus não nos deixa só. Diante de nossas fraquezas e tentações envia Jesus para ser o nosso Salvador, para indicar um caminho e iluminar nossa estrada, para ser nossa força e proteção.

“Jesus indica o caminho com seus ensinamentos e ilumina nossos passos dando o Espírito Santo. Ele se faz nosso alimento para que sejamos fortes e capazes de caminhar. Se ouvimos a palavra de Deus, se ouvimos os ensinamentos de Jesus, se deixamos ser conduzidos pelo Espírito Santo e acolhemos Jesus na Eucaristia vamos vencer o mal, crescer para o amor e a paz”, salienta.

Padre José Milton disse ainda que nesses 40 dias fomos convidados a refletir sobre  o tema da Campanha da Fraternidade 2018 "Fraternidade e Superação da Violência".  quando a violência que nos faz sofrer, que nos fasta de Deus, que tira a paz interior e nos leva a morte. Jesus nos mostra o caminho da não violência, ensina a maneira que devemos agir e viver em paz.

“Antes de iniciarmos a procissão de ramos, ouvimos no Evangelho que Jesus ia entrar em Jerusalém e pediu um burrinho emprestado para montar. Naquela época os poderoso e reis entravam nas grandes cidades com grandes cavalos marchadores, de preferência brancos. Os que montavam tinham espada na mão para mostrar a força, traziam o ouro que havia ganho. Jesus entra com atitude de humilde montado em um burrinho emprestado e, é também aclamado Rei. Os poderosos não gostam dessa atitude e perguntam como um rei ser pobre e não ter nada. Com isso matam Jesus. Mas, Deus o ressuscita. Jesus é o verdadeiro Rei, vence na humildade, na justiça, aponta o caminho que leva a paz. Jesus se faz um de nós, se faz humilde, servo (quando lava os pés dos discípulos), se paz pão para nos sustentar. Ele se oferece a morte e morte de Cruz para nos ensinar que se vivermos a dinâmica do amor, na humildade venceremos também a morte e alcançaremos a eternidade”, explica o padre.

Padre Milton convida a todos para que participando das atividades nessa Semana Santa peçam a Deus que converta seu coração, que possam escutar os outros, que saibam perdoar, ser companheiros, solidários, parceiros e humildes (acolhedores). Que cada um consiga ser presença na vida daqueles que Deus colocou em sua história, iniciando pela família. Que Deus perdoe pelas vezes que não souberam amar, que não viveram a sua vocação.

“Peçamos perdão pelas vezes que queremos ser grandes, o mais importante, o mais forte, a ter sempre o primeiro lugar. Perdão pelas vezes que queremos ter tudo vivendo o egoísmo. Que Deus nos dê nessa semana a graça de caminhar com Ele, para que possamos por Ele vencer todo o mal e até mesmo a morte”, finaliza o Padre dizendo em sua homilia.

Por Vânia Abdala

Procissão e Missa na Igreja Matriz São José

Procissão e Missa na Comunidade Nossa Senhora do Rosário - Moçambo

Celebração do Domingo de Ramos na Comunidade São José - Fazenda São José

Celebração do Domingo de Ramos na Comunidade Nossa Senhora da Saúde - Palméia

  • banner1000x120.jpg
  • site-pascom2018.jpg