Missa em Ação de Graças pelo Dia dos Pais

DSC 0240

Domingo, 13, foi celebrada uma missa na Igreja matriz São José de Muzambinho pelo Padre Leandro José de Melo, em ação de graças pelo dia dos pais, os quais também receberam a benção no final. Na ocasião também foi dado início à Semana Nacional da Família 2017.

A semana Nacional da Família está acontecendo de 13 a 19 de agosto e tem como tema “A Alegria do Amor” e lema “O amor jamais acabará (1Cor13, 8)”.
Segundo o Bispo Dom José Lanza Neto, em carta enviada aos fiéis, juntos somos mais fortes e responderemos de forma satisfatória aos desafios e aos sofrimentos tão impactantes em nossas famílias.

“Os temas envolvidos estão fundamentados na Exortação Apostólica do Papa Francisco que nos fala sobre a Alegria do Amor. Precisamos compreender a insistência dele sobre a Vocação da família, a presença do Amor como base do matrimônio, a importância da Educação, a condição indispensável para o crescimento último, a Oração como força para vencer os obstáculos de nossos dias”, escreve na carta Dom Lanza.

Durante a Missa, o celebrante Padre Leandro em sua homilia, traz aos fiéis através da reflexão do Evangelho de Mateus 14, 22-33, que a passagem é o grande retiro espiritual para conduzir nossa vida de discípulos de Jesus.

“O mar de Tiberíades era temido por ser um lugar de insegurança e medo. Vamos imaginar os discípulos navegando e sentindo primeiro a alegria da viagem e depois o temor dos ventos. Podemos dizer que a Igreja hoje é o barco e nela Deus quer seus discípulos. Jesus despede o povo que participa do milagre dos pães e peixes. E, pede para os discípulos irem para a barca e Ele vai rezar. Isso nos revela que Deus não é igreja das multidões, mas dos discípulos. O Papa Bento XVI disse que não devemos nos preocupar com quantidade, mas, com qualidade dos discípulos que estão nessa barca. Jesus vai rezar, para a Igreja de Mateus e hoje também é fundamental a Oração, e Jesus é o nosso intercessor. Intercessor, porque mesmo não estando na barca com os discípulos está conduzindo ela. Mas, no meio do Evangelho, cita que Jesus vem caminhando sobre as águas e os discípulos tem medo, pensam que é um fantasma. Assim somos nós, quando estamos com medo não vemos Deus. Esse evangelho nos mostra dois momentos muito importantes, um, a oração e o outro, Jesus o grande intercessor. Jesus caminha sobre as águas, só Ele tem o poder sobre o vento e sobre a região do mal”, comenta.

Ele cita ainda que hoje estamos criando uma geração que acha que o demônio tem mais poder que Deus, mas nessa passagem vemos exatamente o contrário, Deus tem o poder, Ele está acima, é o Senhor que exerce o poder, pois caminhando sobre as águas tem o domínio, e o poder de fazer os que estão na barca caminhar sobre a água.

“Não podemos ter medo de que a barca vire, mas acreditar que o Senhor está rezando por nós e sua Igreja. Hoje, nós somos os discípulos de Jesus e devemos permanecer na barca, viver com radicalidade e reconhecer que somente em Deus seremos amparados. Não adianta sair da barca e procurar outras coisas que não são de Deus”, completa.

Ele disse ainda que como cristãos pais e famílias possamos ser iluminados pelo Evangelho e assumamos nossa missão deixando que o Senhor venha ao nosso encontro, nos ampare e nos coloque novamente dentro da barca.
Finalizando convidou todos os presentes e aos que também estão acompanhando a missa pelo facebook para participarem da missa especial para a família que acontecerá quarta, 16 de às 19h30 horas.

Por Vânia Abdala

  • site-pascom.jpg