Comunidade celebra o encontro de Jesus e Maria

SAM 0433Na última quarta-feira, dia 12, continuando a celebração da Semana Santa, aconteceu a procissão do encontro, ou seja a recordação do momento do encontro de Nosso Senhor dos Passos com Nossa Senhora das Dores.

A procissão que saiu do bairro Aparecida com a imagem de Nossa Senhora e do alto do Anjo com a imagem de Nosso Senhor, se encontraram na Matriz onde foi celebrada a Santa Missa pelos Padres José Milton dos Reis (Pároco) e Leandro José de Melo (Vigário) da Paróquia São José de Muzambinho. Adentrando a matriz foram então proclamadas as últimas sete frases de Jesus:


1. Pai, perdoa-lhes porque não sabem o que fazem. (Lc 23,34 a);
2. Hoje estarás comigo no paraíso. (Lc 23,43);
3. Mulher eis aí o teu filho, filho eis aí a tua mãe. (Jo 19,26-27);
4. Meu Deus, Meu Deus, porque me abandonastes?! (Mc 15,34);
5. Tenho sede. (Jo 19,28 b);
6. Tudo está consumado. (Jo 19,30 a);
7. Pai, em tuas mãos entrego o meu espírito. (Lc 23,46 b).


Essas frases são um chamado ao povo para a conversão e à penitência. O silêncio é grande, já que a imagem de Nosso Senhor dos Passos mostra-o com a cruz nas costas. É tudo isso que vivemos neste tempo de profunda reflexão. Nossa fé é pascal, passa pelo sofrimento, morte e ressurreição do Senhor.


“Imaginem a dor de uma mãe encontrando seu filho, machucado e cansado carregando uma Cruz nos ombros. Cruz essa que Jesus foi crucificado e morreu por nós devido aos nossos pecados”, inicia a homilia, o Vigário.
Ele ainda questiona dizendo por quantas moedas estamos trocando Jesus, quais bens, valores e migalhas temos buscado incansavelmente estamos trocando o céu, a misericórdia, a salvação pelo próprio Deus. Vamos refletir sobre tudo que ouvimos nessa noite e darmos um novo rumo a nossas vidas, vencendo o mal, abrindo o nosso coração e sendo realmente de Deus.

Por Vânia Abdala

  • site-pascom.jpg