Celebração da Quarta-feira de Cinzas

DSC 2752

Foi realizada nessa quarta-feira, dia 01 de março, a cerimônia das Cinzas, na matriz São José, de Muzambinho.

Na missa, realizada pelo padre Leandro José de Melo, os fiéis celebraram o primeiro dia da quaresma.

Nesse dia inicia-se uma “caminhada” espiritual por 40 dias. E a Igreja convida a cada um de nós, cristãos, para refletirmos sobre a importância da conversão e de mudarmos nossas vidas.

O objetivo da missa da quarta-feira de cinzas é o de lembrar à todos os católicos sobre a fragilidade da vida e ressaltar o arrependimento dos fiéis perante Deus.

Durante a homilia, o padre Leandro citou que, "durante esses dias muitos tiveram a oportunidade de festejar, viver a festa das carnes, o prazer do mundo. Tiveram a oportunidade de alimentar os seus vícios”. E a quarta-feira de Cinzas chega para lembrar a todos católicos sobre a necessidade de se pedir perdão e mudar de atitude.

“Às vezes fazemos da cerimônia das cinzas, um evento maior da nossa fé. É para valorizarmos? Sim. É para marcarmos uma transição, uma mudança na nossa vida? Sim. Mas jamais pensarmos que as cinzas sobre a nossa testa, vão nos livrar de todos os pecados”.

Padre Leandro enfatiza que “além de recebermos as cinzas, Deus exige de cada um de nós, um movimento interior de arrependimento, de mudança de vida, de ruptura, que os padres da Igreja chamam de vale de lágrimas”.

Segundo o padre, esse é o momento no qual toda comunidade católica deve se reunir para “chorar por seus pecados, abandonar a vida mundana e tudo aquilo que nos deixa para baixo". Então, o ato de receber as cinzas não deve ser considerado apenas como um evento, mas como o compromisso de uma vida nova em Cristo.

 

Celebração na Matriz - 19h30

Celebração São Francisco de Assis (COHAB) - 07h00

 

 

  • site-pascom.jpg